A Lei Brasileira de Inclusão, juntamente com a ABNT 9050/2015 garantem o direito à acessibilidade às pessoas com deficiência física, auditiva, visual ou com mobilidade reduzida. E promover a acessibilidade em qualquer ambiente público ou privado traz benefícios para investidores. 

Afinal, a garantia da acessibilidade agrega valor ao imóvel, já que hoje as pessoas se preocupam cada vez mais em encontrar ambientes públicos ou privados que sejam acessíveis.

Assim, uma academia adaptada representa o verdadeiro sentido de inclusão, pois dá o direito às pessoas com deficiência de participar de atividades comuns da forma como elas desejarem.

Para você se informar sobre o assunto, continue com a leitura do nosso post. No artigo que preparamos, explicaremos tudo sobre a acessibilidade nas academias!

[infográfico] Modelos e Aplicações da Plataforma e Elevador de Acessibilidade | Baixe grátis | JE Elevadores

O que adaptar nas academias para garantir a acessibilidade da pessoa com deficiência?

Veja os principais itens que devem ser adaptados:

Estacionamento

Instale placas verticais com indicação para deficientes e pessoas com mobilidade reduzida. Ofereça condições para que essas pessoas se sintam bem recebidas em sua academia.

Calçadas de acesso

O primeiro passo é adaptar a calçada de acesso, colocando rampas auxiliares. Assim, cadeiras de rodas ou pessoas com muletas entram na academia com facilidade.

Piso

Além do acesso, o piso também pode ser modificado para garantir segurança e guias aos deficientes visuais. São placas, normalmente de material antiderrapante, que indicam os caminhos livres na academia, evitando acidentes.

Vestiários feminino e masculino

Nos vestiários feminino e masculino você deve haver barras de ferro para que as pessoas possam se apoiar. É muito importante lembrar do espaço reservado para cadeira de rodas, muletas ou andadores, que são utilizados pelas pessoas com deficiência.

Portas

As portas, principalmente as dos banheiros, devem possuir sinalização visual e tátil com altura (A) entre 1,20 m e 1,60 m em plano vertical na parede adjacente à porta. A maçaneta deve ter uma alavanca e acabamento recurvado. 

Sanitários de uso restrito

Veja também se os sanitários de uso restrito possuem um dispositivo de emergência perto do boxe. O mictório também deve ter barras de apoio.

Bancadas

As bancadas também precisam ser adaptadas com pelo menos uma barra posicionada nas extremidades e a ter alavanca na torneira.

Quais os equipamentos utilizados para adaptar os espaços com maior circulação de pessoas?

Além de adaptar os ambientes mencionados acima, veja quais os equipamentos utilizar para oferecer a acessibilidade em toda a academia:

Tenha corrimãos nas rampas de acesso

As rampas deverão ter corrimãos circulares, guia de balizamento, com altura mínima de 5 cm, e faixa de piso tátil de alerta de início e fim. 

Adquira uma plataforma de acessibilidade

As plataformas de acessibilidade transportam bens e pessoas na vertical. O equipamento facilita o deslocamento entre dois níveis distintos e é uma solução de acessibilidade rentável, projetada para ser instalada no interior ou no exterior da sua academia.

Plataforma de acessibilidade

Instale elevadores de acessibilidade

Uma boa academia deve ter elevadores que garantam o acesso das pessoas com deficiência. A cabine ideal precisa ter largura de 90 cm e comprimento livre, de no mínimo 1,40 m. A porta deve ter visor, com largura mínima de 60 cm, e borda inferior, de altura entre 30 cm e 90 cm do piso.

Como você viu no post, é importante investir em acessibilidade nas academias, para que você garanta o direito das pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, agregando também valor ao empreendimento.

E então, gostou do conteúdo? Leia o nosso próximo post sobre a acessibilidade, um direito de todos!

Share This