Andadores para idosos: 3 fatores decisivos para a escolha

Andadores para idosos: 3 fatores decisivos para a escolha

Os andadores para idosos têm se mostrado ferramentas valiosas no auxílio à mobilidade e na melhoria da qualidade nessa fase da vida. Afinal, esses dispositivos oferecem uma série de benefícios que vão desde a prevenção de quedas até o aumento da independência. 

Assim, ao proporcionar estabilidade e apoio durante a locomoção, os andadores permitem que os idosos se movam com mais segurança e reduzem o risco de acidentes. 

Além disso, eles promovem a manutenção da atividade física, o que é essencial para a saúde e bem-estar na terceira idade. 

Que tal aprender mais sobre os andadores para idosos? Venha conosco e confira informações importantes para escolher o melhor. Vamos lá?

3 fatores decisivos para fazer a escolha correta dos andadores para idosos

Veja alguns fatores importantes que você precisa considerar na hora de escolher os melhores andadores para idosos.

1. Conforto

Precisamos considerar que o conforto é um dos fatores decisivos para a aceitação eficaz do uso desses equipamentos por parte dos idosos. Afinal, se for um andador inadequado e desconfortável, certamente eles não vão querer usar, pois terão uma experiência frustrada.

Portanto, os andadores para idosos devem ser projetados ergonomicamente, com alças acolchoadas e ajustáveis para garantir uma aderência segura e confortável. 

Se os andadores tiverem assentos e encostos, eles devem ser acolchoados e anatomicamente projetados para proporcionar conforto durante as pausas.

Além disso, os andadores devem ser leves e fáceis de manusear, minimizando o cansaço e o desconforto para os idosos enquanto mantêm a mobilidade deles.

2. Ajustabilidade

Outro fator decisivo na hora de escolher os melhores andadores para idosos é a ajustabilidade. Assim, a capacidade de ajustar a altura das alças e do andador é fundamental para garantir um encaixe e suporte adequados. 

Afinal, cada idoso possui uma estatura e, portanto, o ajuste de altura personalizado é essencial na prevenção de desconforto e lesões. 

Sendo assim, garantir que o andador possa ser adaptado às necessidades individuais de cada usuário é essencial para maximizar sua utilidade e segurança.

3. Orientações médicas

É fundamental seguir as orientações médicas ao escolher um andador para idoso. Os profissionais de saúde estão bem posicionados para avaliar as necessidades individuais. 

Inclusive, em muitos casos, podem até mesmo indicar uma marca e modelo específicos.

Dada a ampla variedade de andadores disponíveis no mercado, a orientação médica assegura que o dispositivo escolhido seja apropriado para as condições de saúde do paciente, maximizando assim sua eficácia e segurança durante o uso.

4 dicas na hora de comprar os melhores andadores para idosos

Dicas na hora de comprar os melhores andadores para idosos

A escolha do melhor andador para idosos é uma decisão importante, pois pode ter um impacto significativo na qualidade de vida e na segurança do usuário. 

Para garantir que você tome a decisão certa ao adquirir um andador para um idoso, apresentamos algumas dicas que podem orientar a escolha e proporcionar maior conforto e bem-estar.

1. Consulte um profissional de saúde

Como vimos anteriormente, antes de adquirir um andador, é fundamental consultar um médico, fisioterapeuta ou terapeuta ocupacional

Afinal, esses profissionais podem avaliar as necessidades específicas do idoso (como mobilidade, equilíbrio e força) e recomendar o tipo de andador mais adequado.

2. Escolha o tipo adequado

Existem vários tipos de andadores disponíveis, como andadores com rodas, andadores com assento, andadores de quatro pontos e andadores de três pontos. 

Assim, cada tipo atende a necessidades diferentes. Portanto, considere as limitações do idoso e a finalidade de uso ao escolher o tipo apropriado.

3. Faça testes com o andador para idosos

Antes de comprar, teste o andador para garantir que ele possa ser facilmente manobrado em diferentes superfícies e espaços — como corredores estreitos e áreas de convívio.

4. Verifique a estabilidade e segurança

Certifique-se de que o andador escolhido seja robusto e estável. Dependendo do modelo, verifique se os freios funcionam corretamente, se as rodas são bloqueáveis e se há recursos de segurança, como um cinto de segurança.

Promova a mobilidade e o conforto dos idosos com elevadores de acessibilidade

Além dos andadores, os elevadores de acessibilidade surgem como uma solução inovadora para aprimorar a mobilidade e o conforto dos idosos em sua jornada diária. 

Os elevadores de acessibilidade oferecem uma solução eficaz para idosos, tornando a locomoção mais segura e conveniente em edifícios residenciais e comerciais. 

Além de reduzir o risco de acidentes, eles promovem a inclusão, permitindo que os idosos acessem todos os espaços com maior facilidade. Isso contribui para uma vida mais independente e confortável.

A JE Elevadores é uma empresa especializada nesse segmento e está apta a auxiliar na escolha do melhor modelo de elevador de acessibilidade, considerando as necessidades específicas de cada cliente

Então, com a orientação e expertise da JE Elevadores, você pode proporcionar um ambiente mais acessível e confortável. Assim, promove a qualidade de vida e a independência dos idosos em sua vida.

Gostou? Então, aproveite e aprenda mais sobre o assunto baixando gratuitamente o nosso Guia do Elevador de acessibilidade. Boa leitura!

Guia do elevador de acessibilidade residencial: clique e acesse o e-book!

8 sinais que a cadeira de rodas deve ser substituída

8 sinais que a cadeira de rodas deve ser substituída

A cadeira de rodas é essencial para pessoas com deficiência física, porque proporciona independência e mobilidade

Um papel fundamental, pois permite que indivíduos superem barreiras e desfrutem de uma vida plena.

No entanto, é importante estar ciente que a cadeira de rodas também requer cuidados e manutenção adequados.

Nesse sentido, um aspecto fundamental é saber quando substituí-la. Para descobrir mais sobre esse tema, convidamos você a explorar as informações sobre quando é o momento certo para fazer a substituição. Vamos lá?

 

1. Desgaste excessivo

O desgaste excessivo da cadeira de rodas é um fator que pode indicar a necessidade de substituição. 

Ao longo do tempo, o uso contínuo pode resultar em sinais visíveis de desgaste, como ferrugem, rachaduras na estrutura ou deterioração dos componentes. 

Esses problemas podem comprometer a segurança e a funcionalidade da cadeira, colocando em risco a independência e a mobilidade do usuário. 

Portanto, é importante estar atento a esses sinais e, ao identificar um desgaste excessivo, considerar substituir a cadeira de rodas. 

Afinal, garantir que a cadeira esteja em boas condições garante conforto, segurança e confiança ao usuário.

 

2. Falhas mecânicas frequentes

Apresentar falhas mecânicas frequentes pode ser um indicativo de que está na hora de considerar uma substituição. Alguns sinais são rodas soltas, freios defeituosos ou problemas no sistema de inclinação. 

Isso porque tais falhas podem comprometer a segurança e a funcionalidade da cadeira, prejudicando a mobilidade e a independência do usuário.

 

3. Mudança nas necessidades do usuário

A mudança nas necessidades do usuário é um motivo importante para substituir a cadeira de rodas.

Afinal, à medida que as circunstâncias físicas do usuário evoluem (como aumento de peso, perda de mobilidade ou necessidade de recursos adicionais), a cadeira de rodas atual pode não atender mais às suas demandas. 

Então, uma cadeira de rodas nova e adequada é essencial para garantir o suporte, a segurança e a funcionalidade necessários. 

Assim, ao fazer a substituição, o usuário pode desfrutar de maior conforto, mobilidade e independência, adaptando-se às mudanças em sua condição física e melhorando sua qualidade de vida.

 

4. Falta de conforto

Caso a cadeira de rodas não ofereça mais o conforto adequado ao usuário, é um sinal de que ela pode precisar ser substituída. 

Afinal, o conforto é fundamental para garantir a qualidade de vida e a saúde do usuário. 

Portanto, uma cadeira de rodas nova, capaz de proporcionar o suporte adequado e com ajuste correto ao corpo, pode melhorar significativamente a experiência de uso.

 

5. Tamanho inadequado

Quando a cadeira de rodas não se adequar corretamente ao usuário (seja devido ao crescimento, perda de peso ou outros fatores), é importante considerar a substituição. 

Isso porque um tamanho inadequado pode resultar em problemas posturais, desconforto e dificuldade de equilíbrio durante o uso da cadeira.

 

6. Desatualização tecnológica

A desatualização tecnológica é outro sinal que pode indicar a necessidade de substituir a cadeira de rodas. 

Afinal, precisamos considerar que, com avanços constantes na tecnologia, novos recursos e melhorias surgem para aumentar o conforto, a funcionalidade e a acessibilidade

Dessa maneira, se a cadeira de rodas atual carece de recursos recentes com benefícios ao usuário, a substituição pode proporcionar uma experiência mais atualizada e melhor adaptada às necessidades individuais.

 

7. Manutenção inadequada da cadeira de rodas

A manutenção inadequada da cadeira de rodas pode comprometer sua durabilidade e desempenho. 

Então, investir na manutenção adequada pode prolongar a vida útil da cadeira de rodas e garantir sua funcionalidade e segurança a longo prazo. Confira algumas dicas.

  • Limpeza regular: faça a limpeza da cadeira de rodas com um pano úmido e detergente suave. Remova sujeiras e resíduos para evitar danos e deterioração;
  • Verifique as rodas: regularmente, verifique se as rodas estão firmes e em boas condições. Aperte os parafusos, certifique se não há objetos presos e substitua rodas desgastadas;
  • Lubrificação: aplique o lubrificante adequado nas partes móveis, como dobradiças e eixos das rodas, para garantir um movimento suave;
  • Verifique os freios: certifique-se de que os freios funcionam corretamente e estão ajustados adequadamente para garantir a segurança;
  • Inspeção dos assentos e encostos: verifique se há rasgos, desgastes ou afundamentos nos assentos e encostos, substituindo-os quando necessário para garantir o conforto e o suporte adequado;
  • Consulte um profissional: agende consultas com um profissional especializado em cadeiras de rodas para ajustes, manutenção preventiva e reparos necessários.

 

8. Deterioração estética

Embora a estética não seja o fator mais importante para considerar, a deterioração estética da cadeira de rodas pode ser um sinal de que é hora de substituí-la.

Então, se a cadeira está desgastada, com aparência envelhecida, arranhada ou danificada, isso pode afetar a autoestima do usuário. 

Dessa forma, substituir a cadeira de rodas pode melhorar a aparência, e, também, trazer uma sensação renovada de confiança e orgulho ao usuário.

Você gostou de aprender mais sobre o assunto?

Então, aproveite e leia também: Elevador de acessibilidade ou plataforma de acessibilidade: saiba qual a melhor opção para a sua necessidade. Até o próximo conteúdo!

Plataforma de acessibilidade: confira os principais modelos da JE Elevadores

Plataforma de acessibilidade: confira os principais modelos da JE Elevadores

As plataformas de acessibilidade garantem a melhoria do acesso a quem tem mobilidade reduzida. Os equipamentos são econômicos e seguros, sendo uma ótima maneira para se deslocar aos andares superiores e às áreas externas de um imóvel.

A plataforma residencial, por exemplo, utiliza menos espaço e pode ser projetada para ser instalada no interior ou exterior da unidade. Para tanto, é necessário investir em um fornecedor de confiança, como a JE, que atua na fabricação e comercialização de plataformas de acessibilidade desde 2016.

Acompanhe a seguir e confira o diferencial dos modelos de plataformas da JE!

 

Importância das plataformas de acessibilidade

As plataformas de acessibilidade são, atualmente, os principais instrumentos que garantem a inclusão segura do público portador de mobilidade reduzida aos locais públicos e privados. Com o seu uso, as pessoas não precisam se arriscar com rampas em más condições, por exemplo.

A facilidade de acesso, a independência e a maior liberdade de locomoção que o elevador promove faz dele o equipamento mais indicado para estabelecimentos e imóveis que desejam investir na acessibilidade. Além de tudo, é moderno e fácil de ser usado, dando muito mais conforto para o usuário.

A plataforma proporciona o deslocamento de maneira autônoma a quem tem mobilidade reduzida, já que é fabricado especialmente para atender a esse tipo de necessidade. Sobretudo em locais públicos, as plataformas garantem uma vida mais digna, sem constrangimentos e limitações.

Uma plataforma de acessibilidade é realmente um investimento que traz muitos benefícios. O equipamento pode se encaixar facilmente em um imóvel, maximizando o espaço e mantendo a aparência elegante devido à ampla variedade de opções de modelos disponíveis no mercado.

 

Como as plataformas funcionam

As plataformas de acessibilidade podem ser aplicadas para diferentes fins, locais e empreendimentos, como os de caráter comercial, residencial, industrial, escolar e hospitalar. Além disso, são usados por crianças, idosos, cadeirantes, gestantes e pessoas com mobilidade reduzida.

As plataformas cumprem com todas as normas de segurança, são fáceis de utilizar, sendo desenvolvidas para facilitar o acesso a locais internos e externos. O equipamento, além da qualidade, conta com funcionalidade aliada a um design moderno, que se encaixa nos mais variados estilos arquitetônicos.

A instalação é simples e não exige necessidades especiais para o encaixe do elevador. Seu uso dispensa reformas e o tamanho da peça pode ser personalizado conforme o espaço disponível no imóvel. Os comandos são feitos diretamente da cabine, dando autonomia de movimento para o usuário.

O material de qualidade utilizado na fabricação da plataforma de acessibilidade possibilita o funcionamento com segurança, transportando pessoas de um andar para o outro com agilidade. Lembrando que a peça pode ser instalada tanto em áreas internas quanto externas dos ambientes, para uso público ou privado.

 

Os modelos da JE Elevadores

A JE é, hoje, uma das principais fabricantes de plataformas de acessibilidade, tendo grande experiência no segmento. Seus equipamentos são projetados por uma equipe altamente especializada, conforme a necessidade de cada cliente, utilizando sempre os melhores materiais.

Investir em uma plataforma da JE é a garantia de promover mais segurança e qualidade de vida para o público com mobilidade reduzida. Atualmente, trabalhamos com três modelos:

Elevador de acessibilidade: ideal para transportar bens e pessoas em áreas comerciais, residenciais, industriais, escolares e hospitalares;

Plataforma de acessibilidade: facilita o deslocamento entre dois pisos distintos na vertical;

Elevador para piscina: facilita o acesso às piscinas de locais públicos e privados.

As plataformas da JE são feitas de forma personalizada para cada ambiente, conforme as necessidades e preferências de cada cliente. Além de promover a inclusão, o espaço também fica mais harmonioso, já que o design dos equipamentos é elegante e moderno. Além de tudo, você ainda pode escolher entre as melhores matérias-primas, como inox, ACM, alumínio, vidro e aço. A seguir, confira mais características das plataformas fabricadas pela JE!

 

Elevador de acessibilidade

Esse elevador é de uso residencial ou comercial, podendo se encaixar bem nos mais diferentes estilos estéticos. De simples operação, garante o acesso a andares superiores e áreas externas, exigindo menos espaço de instalação. O modelo da JE atende a todos os requisitos de segurança e normas, como a NBR 9050, tem capacidade de carga de até 250 kg e sistema de freio anti-queda.

 

Plataforma de acessibilidade

Já a plataforma de acessibilidade pode ser instalada em praticamente todos os locais de um imóvel. Hoje, com a necessidade de cidadania e inclusão do público com mobilidade reduzida, o uso desse tipo de plataforma está ficando cada vez mais comum.

O equipamento transporta pessoas e bens na vertical, sendo que a altura máxima de deslocamento é de até 7 metros. A plataforma é uma ótima maneira de facilitar a locomoção entre dois níveis distintos, tanto em residências quanto em locais públicos.

 

Elevador de acessibilidade para piscina

O elevador de acessibilidade específico para piscina da JE é a solução mais simples e segura para quem tem problemas de mobilidade reduzida. O equipamento é fácil de usar e foi desenvolvido especialmente para o acesso às piscinas residenciais, de clubes, escolas, ONGs e clínicas de fisioterapia.

O elevador é de alta qualidade e oferece total segurança para o lazer e, também, para quem pratica exercícios físicos. O equipamento cumpre com todas as normas de segurança, suporta até 150 kg e conta com sistema antichoque incluso.

O intuito principal da JE é garantir o acesso às pessoas com mobilidade reduzida, oferecendo opções de plataforma residencial, industrial, escolar, hospitalar, e muito mais. Trabalhamos de maneira comprometida para oferecer o que há de mais moderno em acessibilidade, garantindo a segurança e a inclusão em ambientes público e privados.

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e entre em contato com os nossos especialistas para saber mais sobre como a JE Elevadores pode ajudar você a escolher o modelo ideal para o seu projeto!

Onde instalar a plataforma residencial para facilitar a mobilidade em casa?

Onde instalar a plataforma residencial para facilitar a mobilidade em casa?

Instalar uma plataforma residencial de acessibilidade não apenas gera um diferencial para a propriedade, mas tem tantas vantagens e facilidade de uso que um dia os equipamentos poderão tornar as escadas obsoletas.

A instalação simples, combinada com os benefícios em termos de mobilidade, impulsionam um aumento no número de pessoas que querem essa tecnologia inteligente para suas próprias casas.

Mas na hora de instalar o equipamento, algumas perguntas precisam ser respondidas, incluindo o lugar ideal de instalação. Confira o que é necessário saber antes de adquirir uma plataforma residencial para o imóvel!

 

Melhorando a acessibilidade com a instalação de um elevador residencial

Não há dúvidas de que um elevador residencial torna a casa mais acessível para todos os moradores do que uma escada. Se você, uma visita ou um membro da família tem uma limitação física, ou precisa carregar crianças de um andar a outro, o equipamento é uma maneira mais simples e segura de se deslocar.

As plataformas residenciais melhoram particularmente a acessibilidade para pessoas com deficiência que vivem sozinhas, pois ela elimina a dependência de ajuda para se deslocar dentro da própria moradia.

Além disso, para muitas pessoas, chega um momento em que uma casa, de mais de um andar, já não é apropriada por causa dos riscos físicos e problemas que podem estar presentes após uma certa idade. Um elevador residencial poderia significar a diferença entre permanecer por um longo tempo no mesmo imóvel ou ter que se mudar.

Isso porque a instalação de um elevador residencial supera essas questões, proporcionando uma maneira fácil e sem problemas de se mover entre os andares e de eliminar as chances de acidentes.

 

O que saber para instalar o elevador residencial

A desvantagem do fato de que as escadas já vêm prontas com o imóvel é que você raramente tem alguma opinião sobre o local em que elas estão situadas ou como são construídas. Os elevadores residenciais, por outro lado, podem ser instalados em qualquer lugar.

Com uma variedade de tamanhos, o elevador pode caber em um espaço do mesmo tamanho que um armário e ser instalado como uma unidade autônoma, sem a necessidade de criar um fosso ou fazer mudanças estruturais no imóvel.

Existem duas opções principais na hora de escolher o local de instalação da plataforma de acessibilidade, que são:

  • no interior da casa: dentro do imóvel, o elevador poderá ficar, por exemplo, ao lado das escadas. Outra ideia é aproveitar a parte do vão para fazer a integração da caixa que leva a cabine do elevador. O importante é que haja uma altura mínima de 2,45 m no último piso e um pequeno vão de 10 cm abaixo do equipamento;
  • no exterior da casa: a instalação é feita por meio de alguma das paredes de acesso. Poderão ser utilizadas portas ou varandas superiores para permitir a entrada e saída da moradia. Na instalação, serão contemplados todos os ajustes para este acesso. O elevador poderá ser panorâmico para potencializar a beleza estética e permitir mais visibilidade.

Nos dias de hoje, os elevadores residenciais, também conhecidos como homelifts, podem ser instalados em quase todos os espaços de uma casa. São diversos tipos de elevadores disponíveis e opções de personalização que vão atender sob medida as necessidades da sua casa e dos moradores.

A indicação é contar com a ajuda especializada de um arquiteto para examinar as condições do imóvel. Os profissionais podem avaliar qual é o ambiente mais adequado para receber a instalação, de acordo com o modelo escolhido.

Algumas opções necessitam de mais espaço que outras. Se a residência ainda estiver em fase de planejamento, é possível realizar a análise de viabilidade e deixar um espaço reservado para a plataforma. Com isso, o arquiteto pode reformular a distribuição dos cômodos e criar uma estrutura mais forte para o elevador.

Uma boa dica é instalar o equipamento na entrada da casa, ao lado das escadarias ou, até mesmo, na parte externa do edifício. O Importante é que o elevador fique em um local de fácil acesso.

 

Vantagens da plataforma de mobilidade residencial

A principal vantagem de contar com uma plataforma residencial é, sem dúvidas, a acessibilidade proporcionada às pessoas com mobilidade reduzida. Ela surge como uma solução para garantir o deslocamento dos usuários, que terão mais independência para se movimentar.

Os elevadores também são projetados para atender às necessidades dos moradores e, por isso, contam com características específicas. Existem modelos com acabamentos internos e externos, de diversas cores, estilos e materiais.

Por isso, o equipamento agrega um valor significativo ao imóvel, sendo um bom investimento caso o proprietário queira vender a casa no futuro. Sem contar que algumas opções contam com design sofisticado e moderno, oferecendo uma estética diferenciada e personalizada.

Assim, além de promover a inclusão, o ambiente pode ficar muito mais harmonioso e elegante, deixando o espaço acessível, completo e aconchegante. Grande parte das opções disponíveis no mercado oferecem uma experiência de compra de qualidade.

Para assegurar a vida útil da plataforma residencial, a empresa fornecedora garante o funcionamento, a manutenção e todo o suporte pós-venda necessário para o bom funcionamento do elevador. O contratante pode tirar todas as dúvidas e contar com uma equipe pronta para atendê-lo.

Atualmente, é possível desenvolver espaços acessíveis e agradáveis, sem gastar muito. Há soluções que possibilitam muito conforto, qualidade e beleza estética, sendo adotados em diversos projetos e obras.

Para ter acesso a todas as vantagens de um equipamento como esse, é fundamental dar preferência a um fabricante reconhecido, como a JE, que atua na comercialização de elevadores de acessibilidade desde 2016.

Os equipamentos da JE são projetados conforme a necessidade de cada cliente, utilizando sempre os melhores materiais. São elaborados por uma equipe especializada com total conhecimento sobre os produtos, garantindo os melhores níveis de segurança aos consumidores.

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e confira também 6 motivos para comprar um elevador de acessibilidade da JE Elevadores!

[One page] Acessibilidade, direito de todos! | Saiba mais | JE Elevadores

6 filmes sobre acessibilidade e inclusão que você deve assistir

6 filmes sobre acessibilidade e inclusão que você deve assistir

Os filmes sobre acessibilidade e inclusão são sempre lições de vida do início ao fim. Afinal, eles fazem com que possamos enxergar uma nova realidade e nos colocarmos no lugar do outro.

São emocionantes, dramáticos e nos ajudam a ter novas perspectivas. 

Quer algumas dicas de filmes sobre acessibilidade? Continue a leitura e confira 6 ideias para assistir com a família.

 

1. The Fundamentals of Caring (Amizades Improváveis)

The Fundamentals of Caring

Ben Benjamin (Paul Rudd) é um escritor que está passando por diversos dilemas pessoais.

Como uma tentativa de colocar a sua vida nos eixos, decide fazer um curso de cuidador e consegue o seu primeiro emprego para cuidar de Trevor (Craig Roberts).

Trevor é um adolescente com Distrofia Muscular de Duchenne (DMD). Ele vive em uma cadeira de rodas e tem uma rotina muito monótona.

Então, Ben planeja uma viagem e eles vão à procura do poço mais profundo do mundo.

No caminho, encontram a jovem Dot (Selena Gomez), que embarca com eles nessa jornada divertida, sarcástica e emocionante.

 

2. Como Eu Era Antes de Você — Prime Vídeo

Como Eu Era Antes de Você

Um romance dramático, disponível na Prime Vídeo, que conta a história de Will (Sam Claflin), um jovem bem-sucedido, rico, cheio de amigos e muitas mulheres.

Porém, ele sofre um grave acidente que o deixa tetraplégico e entra em uma depressão profunda. Assim, ele perde o desejo de viver.

Como uma tentativa para trazer mais luz e alegria para a vida de Will, sua família contrata Louisa (Emilia Clarke) para fazer companhia e deixá-lo mais animado.

Louisa tem uma vida modesta com muitas dificuldades. Mas, mesmo assim, faz de tudo para provar ao Will que a vida é bela e existem inúmeras razões para viver.

 

3. Extraordinário — GloboPlay

Extraordinário

Extraordinário conta a história de Auggie Pullman (Jacob Tremblay), um menino que nasceu com deformidades faciais e que, ao longo dos seus 10 anos, teve que passar por 27 cirurgias plásticas.

Ele sempre foi educado em casa, pela sua mãe, Isabel (Julia Roberts). Porém, aos 10 anos, ele pede para frequentar uma escola regular.

Auggie sempre viveu rodeado de amor e carinho pela sua família, porém, na escola, enfrenta muita discriminação e bullying.

O filme é uma lição de vida, emocionante e dramática, que ensina sobre respeito, aceitação, evolução e amor.

 

4. Meu Nome é Rádio — YouTube

Meu-nome-e-Radio

Harold Jones (Ed Harris) é o treinador de futebol americano em uma escola, em uma pequena cidade dos Estados Unidos.

Ele conhece um jovem com dificuldade de aprendizagem, James Robert Kennedy (Cuba Gooding Jr.). 

Porém, como o jovem não falava com ninguém e só perambulava pelo campo de treinamento, ninguém sabia o seu nome.

Por isso, passaram a chamá-lo de Rádio, visto que ele gostava muito de rádios. 

Rádio se torna o fiel assistente de Harold, desenvolve sua autoconfiança e eles se envolvem em uma belíssima amizade.

Porém, as coisas começam a ficar tensas quando o treinador começa a receber reclamações porque sua devoção por Rádio está comprometendo a busca pela vitória no campeonato.

 

5. Special — Netflix Série

Special — Netflix Série

“Special” é uma série curta da Netflix (os episódios têm, em média, 15 minutos).  

Assim, a comédia dramática conta a trajetória de Ryan Hayes (Ryan O’Connell), um jovem gay que tem uma leve paralisia cerebral.

Ele decide recomeçar a sua vida e realizar todos os seus sonhos que haviam sido deixados para trás devido a sua condição.

Então, a partir daí ele quer conquistar o primeiro emprego, morar sozinho e longe de sua mãe (extremamente controladora) e se envolver em um relacionamento amoroso.

 

6. Atypical — Netflix Série

atypical

A série da Netflix tem como personagem principal o adolescente de 18 anos, Sam Gardner (Keir Gilchrist). E não poderia ficar de fora desta seleção de filmes sobre acessibilidade e inclusão.

Sam foi diagnosticado com espectro autista ainda quando era pequeno. 

Assim, ele busca pela sua independência, enfrenta as mudanças entre o final do ensino médio e a entrada em uma universidade e quer ter uma namorada.

A série mostra como é a sua rotina e os desafios enfrentados pelo autismo.

Você gostou de conferir as nossas dicas de filmes sobre acessibilidade e inclusão? Se sim, aproveite para conhecer também os projetos de acessibilidade da JE Elevadores.

Acessibilidade direito de todos