Direitos para portadores de necessidades especiais: como fazer uma denúncia pela falta de acessibilidade?

Direitos para portadores de necessidades especiais: como fazer uma denúncia pela falta de acessibilidade?

Os direitos para portadores de necessidades especiais são garantidos pela Constituição Federal e por várias leis brasileiras. Entre elas, a lei nº 13.146 (Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência).

No entanto, nem todos os condomínios, estabelecimentos comerciais ou instituições respeitam os direitos das pessoas com necessidades especiais. Neste caso, você sabe como fazer uma denúncia, principalmente quando não há acessibilidade nos determinados espaços? 

Neste post, falaremos sobre o assunto. Ficou interessado no tema do nosso artigo? Siga com a leitura e fique bem informado com a JE Elevadores! 

[Elevador de acessibilidade] Precisando de uma Elevador de acessibilidade? Solicite-nos um orçamento com condições especiais! | JE Elevadores

Por que respeitar os direitos dos portadores de necessidades especiais?

Em primeiro lugar, porque os direitos dos portadores de necessidades especiais são garantidos por lei. Em segundo, porque promover a acessibilidade é uma questão de responsabilidade social e a empresa não pode deixar de pensar no assunto. 

Mas o mais importante de tudo isso é que fará a diferença na sociedade. E é por esse motivo que devemos pensar nos direitos para portadores de necessidades especiais e na acessibilidade.

Eles não podem ser vistos como uma obrigação, mas como uma maneira de garantir o respeito às pessoas com deficiência e mobilidade reduzida. Além disso, você e todos à volta terão a oportunidade de aprender a lidar com as diferenças e, assim, ajudar a combater os preconceitos. 

 

Por que denunciar a falta de acessibilidade? 

Formalizar uma denúncia não é uma tarefa fácil. No entanto, entenda que esse é um direito da pessoa com deficiência, portanto, ela merece ter a cidadania defendida. 

E só com a garantia de direitos que as pessoas deficientes e com mobilidade reduzida terão a tranquilidade para aproveitar os espaços da mesma forma que as outras pessoas. 

Outra razão para fazer uma denúncia é que basta tomar uma atitude simples para que as pessoas se mobilizem e resolvam os problemas relacionados com a falta de acessibilidade. Por muitas vezes, é preciso alguém tomar uma iniciativa para que os outros pensem mais nos portadores de necessidades especiais. 

Desta forma, será possível providenciar os ajustes necessários para garantir a acessibilidade.

 

Como denunciar a falta de acessibilidade? 

Veja como denunciar a falta de acessibilidade nos espaços públicos e privados.

 

Ligue para a Assistência Social do seu município

Você pode ver se na Secretaria de Assistência Social da cidade há uma espécie de Disk-Denúncia. Saiba que a Prefeitura é quem fiscaliza a acessibilidade de prédios públicos e privados. 

Também pode formalizar uma reclamação no setor de fiscalização e licenciamento urbanístico ou protocolar uma denúncia na própria Secretaria de Assistência Social. 

 

Procure o Ministério Público Estadual 

Outra opção para fazer uma denúncia é no Ministério Público da cidade. O órgão recebe reclamações sobre a falta de acessibilidade em locais públicos e privados. Assim, a Justiça garantirá os direitos da pessoa com deficiência. 

 

Informe ao Conselho de Engenharia e Arquitetura 

Caso se sinta prejudicado com a obra do empreendimento, é necessário que seja solicitado a abertura de procedimento administrativo. Assim, é possível fiscalizar as normas de acessibilidade no condomínio ou clube.

 

Fique de olho na acessibilidade dos espaços públicos

O que diz a lei sobre a acessibilidade nos espaços públicos? Cada cidade deve ter um Plano Diretor Urbano e Código de Posturas. Essas leis orientam o desenvolvimento do município e promovem o equilíbrio social, ambiental, econômico e a qualidade de vida.

O documento é elaborado pelo Executivo e aprovado nas Câmaras Municipais. 

Além disso, de acordo com o Estatuto de cada cidade, o Plano Diretor deverá ter vias acessíveis com os passeios públicos implantados ou reformados pelo poder público. 

 

Denuncie a falta de acessibilidade em bares ou restaurantes

Bares ou restaurantes não podem impedir pessoas com algum tipo de deficiência de frequentarem os locais por falta de acessibilidade. Se isso acontecer, os estabelecimentos serão punidos com o rigor da lei. 

Caso você veja algo parecido, denuncie à Prefeitura e ao Ministério Público. Assim, eles deverão cobrar a adequação da estrutura. 

 

Busque orientação sobre a falta de acessibilidade nas instituições de ensino

As escolas também devem oferecer acessibilidade às pessoas portadoras de deficiência física. Caso a instituição não ofereça, busque orientação na Secretaria Municipal de Educação ou no Conselho Escolar. 

 

Preste atenção se há discriminação no espaço público 

Ainda nos espaços públicos é importante saber que a pessoa portadora de necessidades têm direito ao transporte público de qualidade. E aqui não importa se a deficiência é física ou mental. Toda e qualquer tipo de discriminação deve ser combatida. 

Portanto, fique atento ao que diz a Constituição Federal e a Lei Brasileira de Inclusão, pois todas as pessoas são iguais perante a lei, e não respeitar os direitos do portador de deficiência é crime previsto no artigo 88 da Lei 13.146/15.

 

O que informar na denúncia? 

Para fazer a denúncia é fácil. Você deverá:

  • comunicar por escrito;
  • apresentar fotos que indicam o local da irregularidade;
  • informar o endereço do prédio ou instituição que não tem acessibilidade;
  • definir a instituição como pública ou privada;
  • mostrar o problema;
  • informar quem você já procurou para resolver o problema;
  • anotar o número do protocolo para acompanhar a denúncia.

Agora que você aprendeu como fazer valer os direitos para portadores de necessidades especiais, poderá exigir que os mesmos sejam respeitados. 

 

Quer ler mais conteúdos como este? Acesse o nosso próximo post e entenda as principais leis de acessibilidade no Brasil!

[Infográfico] Quer saber mais sobre os modelos de elevadores de acessibilidade? | JE Elevadores

 

Fique por dentro da acessibilidade em voos e aeroportos

Fique por dentro da acessibilidade em voos e aeroportos

A acessibilidade nos voos e aeroportos é um direito de todos, principalmente de quem vai viajar. No entanto, é importante que você fique por dentro dos seus direitos em relação a viagem de avião.  

Por isso, neste post, vamos falar sobre a acessibilidade em voos e aeroportos. Por aqui você saberá o que a lei diz sobre o assunto e como garantir o acesso das pessoas com deficiência e mobilidade reduzida durante as viagens. 

Além, é claro, de entender como é feito o embarque e desembarque dos passageiros. Boa leitura.


O que diz a lei sobre a acessibilidade em voos e aeroportos? 

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou em 2018, que um cadeirante fosse indenizado por danos morais.  A companhia aérea a qual ele viajou não garantiu um transporte seguro, pois o cliente teve que ser carregado no colo pelos funcionários da empresa.

Ato que deixou o passageiro constrangido diante das outras pessoas, mas que poderia ter sido evitado. Neste caso, a companhia aérea deveria oferecer equipamentos adequados para o acesso dos passageiros às aeronaves. 

Além disso, a resolução 280 da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) traz orientações sobre a acessibilidade em voos e aeroportos. Entre elas, a norma proíbe que a pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida seja carregada no colo, exceto nos casos em que há necessidade de evacuar com emergência o avião.

No entanto, o que fazer? Neste caso, os aeroportos devem ter finger, que é uma espécie de ponte que leva o passageiro direto à porta do avião. Desta maneira, o embarque e o desembarque de passageiros com deficiência ou mobilidade reduzida são facilitados. 

Entretanto, nem todos os aeroportos do País possuem esse recurso. Para esses casos, a ANAC determina que o embarque de passageiros que não conseguem subir as escadas por usarem cadeiras de rodas, muletas ou andadores deve ser feito por elevador de acessibilidade, rampas móveis ou ambulift, um veículo com uma plataforma elevatória montada sobre a carroceria. 

 

Quais são os direitos da pessoa com deficiência e mobilidade reduzida nos aeroportos?

Veja os principais direitos das pessoas com deficiência e mobilidade reduzida:

 

Solicitação dos serviços 

Uma das coisas importantes que você deve saber é que os passageiros com deficiência ou mobilidade reduzida precisam avisar à empresa a área das necessidades. Portanto, informe se há necessidade de um acompanhante. 

No caso dos deficientes visuais, o passageiro precisa informar se há necessidade de levar o cão guia. Também é importante pensar em quais ajudas técnicas e assistências é necessário. 

Por fim, faça tudo isso com antecedência e de preferência na hora que comprar a passagem de avião. No entanto, caso não consiga informar a companhia aérea, faça isso entre 48 horas e 72 horas antes do voo.

 

Assistência especial 

Quem possui deficiência ou mobilidade reduzida têm direito a assistência especial oferecida pelas companhias aéreas. Assim como quem tem idade igual ou superior a 60 anos, é gestante, lactante ou que tem criança de colo.

 

Garantia de acessibilidade 

Mesmo que o passageiro com deficiência ou mobilidade reduzida esqueça de informar a empresa área sobre as necessidades, ele poderá embarcar. Entretanto, só poderá utilizar os serviços assistenciais que forem disponíveis pela companhia.

 

Desconto para o acompanhante 

As companhias aéreas orientam que os passageiros com deficiência só poderão viajar sozinhos se compreenderem as instruções de segurança e possuírem perfeito estado mental.  

Além disso, é importante ter autonomia para realizar atividades como ir ao banheiro, se alimentar, aplicar a própria medicação caso seja necessário. Também devem saber utilizar a máscara de oxigênio de forma independente. 

Já quem não tem essa autonomia, é necessário levar um acompanhante. Neste caso, a pessoa deve ser maior de 18 anos e ter condições de ajudar quem tem mobilidade reduzida ou deficiência.

 

Transporte de Cães-guia

Os passageiros com deficiência visual podem transportar cães-guia de acompanhamento. Esses animais são treinados para viajar de avião e podem voar ao lado dos proprietários, fora da caixa de transporte. 

No caso de uma viagem nacional, há a necessidade do comprovante de treinamento e da carteira de vacinação do animal, emitida pelo médico veterinário. No documento é preciso constar as vacinas antirrábica e múltipla válidas, além do tratamento anti-helmíntico.

Já no caso de viagem internacional, devem ter documentos adicionais como carteira e plaqueta de identificação e o Certificado Zoosanitário Internacional (CZI).

 

Quais as principais recomendações no check-in e no embarque?

  • Procure o balcão ou os funcionários da companhia aérea e solicite prioridade no check-in;
  • Reforce para o atendente as assistências solicitadas;
  • Fale se há necessidade de cadeira de rodas, bengalas, muletas ou andadores;

 

Quais as recomendações durante a viagem e o desembarque?

  • Peça ajuda aos funcionários da companhia aérea;
  • Espere os demais passageiros saírem do avião para depois desembarcar;
  • Lembre-se que só terá preferência no desembarque em caso de uma conexão.

 

Agora que você ficou por dentro da acessibilidade em voos e aeroportos será mais fácil viajar, não é mesmo? Basta solicitar o que precisa com antecedência para ter uma viagem tranquila! 

 

Para conferir outros artigos como esse, acesse o nosso blog e fique sempre por dentro das novidades! 

Guia para novos projetos, com padrões adaptados para acessibilidade

 

5 motivos para investir em elevador de piscina para cadeirantes

5 motivos para investir em elevador de piscina para cadeirantes

Se você é investidor, saiba que um elevador de piscina para cadeirantes pode valorizar o um imóvel. O equipamento ajuda pessoas com mobilidade reduzida, idosos e gestantes a terem acesso aos espaços de lazer em condomínios, clubes e academias. E oferecer acessibilidade a todos é muito importante. Afinal, é uma maneira de demonstrar aos outros que você se preocupa com o próximo.

No entanto, para você saber o quanto é viável um elevador de piscina para cadeirantes, confira a nossa lista com 5 motivos para ter o equipamento!

1. Estimula os exercícios físicos

A piscina é um ambiente divertido para as pessoas se manterem em forma, principalmente os idosos, quem tem mobilidade reduzida ou deficiência física. Com o elevador de piscina para cadeirantes, os obstáculos relacionados à acessibilidade desaparecem, pois o equipamento é fácil de manusear e qualquer pessoa pode utilizá-lo no dia a dia e na hora que desejar.

2. Oferece conforto e segurança aos cadeirantes

É comum que pessoas que usam cadeira de rodas se sintam inseguras para usar piscinas, sejam em condomínios ou em academias. A explicação é a dificuldade de acesso. No entanto, com o elevador de acessibilidade,esses receios e medos vão por água abaixo, já que o equipamento oferece total segurança e é simples de usar.

3. Previne acidentes

Pessoas com deficiência, idosos, gestantes e crianças podem se ferir ao entrar ou sair da piscina. Um elevador de acessibilidade para cadeirantes previne vários acidentes, pois o equipamento é reforçado, feito de aço inox para criar um nível de proteção à quem precisa utilizá-lo.

4. Simples de instalar

Outro bom motivo para você adquirir um elevador de piscina para cadeirantes é que o equipamento tem uma instalação rápida e simples. Em poucas horas, e com orientações do fabricante, o elevador é instalado sem muito trabalho e sem fazer sujeira, o que é bom para garantir o lazer de todos!

5. Valoriza o imóvel

Como já dissemos no início deste artigo, o elevador de piscina para cadeirantes valoriza o imóvel. Muitas pessoas buscam facilidade e conforto, e um apartamento que tenha um elevador de piscina para cadeirantes cairá no gosto de quem deseja adquirir a casa própria. Sem contar que você poderá cobrar o valor justo ao seu cliente por mais este “bônus”.

Há outros motivos para investir em um elevador de piscinas para cadeirantes? 

Sim, além dos 5 motivos que mencionamos neste artigo, confira mais algumas razões para você investir no equipamento: 

1. Ter um equipamento de qualidade

Por ter uma estrutura de aço inox, o elevador de piscina para cadeirantes da JE Elevadores dura mais do que os outros do mercado. O material que reveste as hastes do equipamento impede que a ferrugem fragilize a estrutura. Além disso, como o funcionamento do elevador é elétrico, ele é isolado em uma câmara mais alta, para garantir a segurança contra choques elétricos e contaminação da água da piscina com óleos e graxas.

2. Cumprimento de todas as normas de segurança

O elevador de piscina para cadeirantes cumpre com todas as normas de segurança. Ele também pode ser usado em escolas, Organizações Não Governamentais (ONGS) e até clínicas de fisioterapia. O equipamento tem um suporte de assento giratório, o que o torna confortável para os usuários, pois propicia mais independência.

3. Atende as necessidades de quem utiliza os espaços

O equipamento foi desenvolvido com uma equipe que tem total conhecimento sobre o produto. Além disso, saiba que há um engenheiro responsável pelo projeto e que garante toda a segurança, conforto e qualidade que a pessoa com deficiência busca. 

Portanto, você não terá que se preocupar em relação a que tipo de equipamento vai adquirir para instalar no imóvel. E você já sabe, instalar um elevador de piscina para cadeirantes é pensar em oferecer qualidade de vida a todos, independente se tem deficiência ou mobilidade reduzida.

4. Ser lembrado pelo mercado

E que tal investir em seu imóvel para ser lembrado no mercado? Quando você oferece conforto aos clientes, a empresa fica marcada na cabeça das pessoas. E ao pensar na acessibilidade de quem tem deficiência, nas crianças, nos idosos e nas gestantes, você demonstra que o seu empreendimento é diferente.

Afinal, nem todos ainda pensam em oferecer acessibilidade aos outros. E, então, que tal ser diferente? Quem conquista e permanece em qualquer segmento é aquele que não tem medo de investir, que oferece o melhor produto e pensa em todos os clientes.

Viu só como o elevador de piscina para cadeirantes é um ótimo investimento? Saiba que o uso de piscinas é apenas uma das dificuldades de locomoção que as pessoas com mobilidade reduzida ou deficiência enfrentam quando buscam por soluções de acessibilidade, mas que com a empresa certa, você conseguirá resolver este problema.

E então, após ler o nosso artigo e conferir todos esses motivos para investir em um elevador de acessibilidade, que tal entrar em contato conosco para saber mais sobre o elevador de piscina para cadeirantes? Além de ter o equipamento que você precisa para valorizar o seu imóvel, a JE Elevadores tem uma equipe capacitada que poderá te auxiliar em tudo aqui que você precisa!

Precisando de um Elevador de Piscina? Solicite-nos um orçamento de um elevador de piscina e conheça as principais vantagens! | JE Elevadores

Acessibilidade em piscinas para clubes e áreas de lazer neste verão

Acessibilidade em piscinas para clubes e áreas de lazer neste verão

No verão, o sol brilha forte e com ele vem o calorão. Imagina um banho de piscina e aquela água geladinha?  No entanto, ainda há muitas pessoas no Brasil que não têm a facilidade de encontrar uma área de lazer ou acessibilidade em piscinas que atenda suas necessidades.

Só para você ter ideia, 45,6 milhões de pessoas no País tem algum tipo de deficiência e uma boa parte delas possui mobilidade reduzida. Assim, cada vez mais o tema acessibilidade em piscinas deve ser discutido, não é verdade?

Portanto, para que você entenda como é importante a acessibilidade em piscinas e clubes, preparamos este post. Nele, daremos algumas dicas de adaptações estruturais.

Uma delas é utilizar o elevador para acessibilidade em piscinas. O equipamento oferece conforto para quem visita ou frequenta áreas de lazer ou clubes. Se você se interessou pelo tema deste artigo, continue com a gente e siga com a leitura!

Precisando de um Elevador de Piscina? Solicite-nos um orçamento de um elevador de piscina e conheça as principais vantagens! | JE Elevadores

Por que investir na acessibilidade em piscinas no verão?

O verão é a época do ano que as pessoas mais se divertem. As piscinas são o destino certo para quem deseja se socializar e se refrescar. O sol fica mais forte e só um bom banho para aliviar o calor.

O ponto é que todas as pessoas desejam entrar na água, ter conforto e por isso você deve investir na acessibilidade em piscinas nesta época do ano.

É importante pensar em oferecer bem estar às pessoas com necessidades especiais. Afinal, todos precisam de momentos de lazer, não é verdade?

Isso é fundamental para as pessoas, principalmente para quem tem dificuldade em locomoção. Além disso, implantar a acessibilidade em piscinas é pensar em maneiras de evitar acidentes e tornar os momentos de lazer realmente seguros para quem deseja aproveitá-los.

A acessibilidade em piscinas também está relacionada à possibilidade de você oferecer segurança às pessoas. E isso é bom para todo mundo, pois segurança nunca é de mais, não é mesmo?

Quais as vantagens de oferecer acessibilidade em piscinas?

Aumenta o número de visitantes e associados do seu clube

Quando você constrói uma piscina, você deseja ter um aumento de banhistas. E isso é o mesmo desejo de quem tem uma área de lazer. A acessibilidade em piscinas traz essa vantagem.

As pessoas se refrescam, e em locais públicos, quando você tem uma piscina que oferece acesso a todos, aumenta a frequência de visitantes. Assim, você faz negócios locais e ganha mais.

Já em clubes, a situação fica ainda melhor, pois a acessibilidade em piscinas aumenta o número de sócios. Ou seja, você só lucra por oferecer um espaço digno a todas as pessoas.

Vende mais produtos que são oferecidos

Você que é responsável pelo seu clube tem as vendas como a sua principal preocupação. Por isso, quando existem segurança e satisfação dos clientes, o clube se torna um local mais atrativo.

Quer ver como é fácil atrair clientes? Você pode oferecer uma hidroginástica no seu clube como um serviço extra para quem precisa e dizer que a piscina é adaptada para receber quem usa uma cadeira de rodas ou tem outros tipos de deficiência.

Pode ter a certeza, que muitas pessoas serão sócias do clube, pois hoje em dia, a empresa ou o empreendimento que vêem a acessibilidade como prioridade sai na frente da concorrência. Ganha, inclusive, a admiração das pessoas.

Acessibilidade em piscinas para clubes e áreas de lazer neste verão | JE Elevadores

Como investir na acessibilidade em piscinas?

Há algumas maneiras de realizar um bom trabalho de acessibilidade em piscinas. Você pode instalar elevadores de piscinas nos dois lados.

As rampas podem até dar acesso às pessoas, mas não contemplam todas as necessidades de quem precisa. Também há outro problema: para instalar as rampas, você deve reformar toda a piscina e isso pode ser inviável para o seu empreendimento.

Outra ideia seria a escada de acesso. No entanto, os pisos devem ser submersos e mais largos do que a escada normal. Aqui, a piscina também deve passar por uma reforma básica.

Se você está construindo, preste atenção à NBR 9050. Siga a norma, mas se prepare porque o seu projeto pode sair caro.

Por outro lado, um elevador de acessibilidade em piscinas, com sua plataforma elevatória, resolve seus problemas com simplicidade.

O equipamento é eficaz e atende pessoas com qualquer tipo de deficiência. Além disso, ele permite que pessoas com mobilidade reduzida, como gestantes e idosos consigam entrar na água com o máximo de segurança possível.

Por isso, não dê bobeira, invista na acessibilidade em piscinas e considere adquirir um elevador. Confira as especificações técnicas do equipamento e veja se ele atenderá o seu tipo de negócio.

Gostou do nosso post? Acesse o nosso próximo artigo e veja porque considerar a acessibilidade em piscinas!

[Infográfico] Quer saber mais sobre os modelos de elevadores de acessibilidade? | JE Elevadores

Por que considerar a acessibilidade em piscinas?

Por que considerar a acessibilidade em piscinas?

Quem é que não gosta de aproveitar uma piscina, não é verdade? Ainda mais quando a temperatura sobe. No verão, clubes, hotéis e pousadas se tornam os locais preferidos de quem deseja se refrescar. Mas como promover a acessibilidade em piscinas para que todas as pessoas possam se divertir?

Para começar, você deve fazer um projeto mais seguro e acessível para as pessoas de diferentes idades e habilidades. Escolha o estilo da piscina e as dimensões corretas. A partir daí considere alguns recursos extras como o elevador de piscinas, que tornará as coisas mais fáceis para quem tem mobilidade reduzida.

No entanto, para te ajudar a promover a acessibilidade na piscina do condomínio ou casa, ou do seu clube, preparamos este post. Nele, você terá algumas ideias para atender às necessidades de todos.

Entretanto, observe que a maioria das sugestões não são exigidas por lei, a menos que você esteja construindo uma piscina pública, ok? Nesse caso, você também precisa estar atento aos requisitos  de construção e da Lei de Acessibilidade. Veja:

Como pensar na acessibilidade em piscinas para as crianças?

Quando pensamos em acessibilidade em piscinas, temos que atender as necessidades das crianças que poderão aproveitar o espaço.

Há vários recursos de piscina que podem ajudá-lo a proteger as crianças contra vários acidentes. Mas nenhum deles pode tomar o lugar de uma boa e antiga supervisão de um adulto. Portanto, nas piscinas de casa, considere fazer a instalação perto da casa onde os pais podem manter os olhos nos filhos.

Você também pode considerar uma piscina rasa que permite que as crianças toquem o fundo na maioria ou em todos os pontos. Finalmente, é importante você isolar a piscina com uma cerca que atenda os requisitos mínimos de altura e pensar na instalação de alarmes em todos os portões ou portas.

Como pensar na acessibilidade em piscinas para idosos?

Muitos idosos têm problemas com a locomoção. Assim, a piscina perfeita para eles inclui alguma forma “andável”, como uma rampa. Também é necessário instalar corrimãos, pois eles são práticos para se locomover dentro e fora da água. Contudo, se você acha que essa possibilidade não é viável, considere usar um elevador de acessibilidade.

Ele é fácil de usar e está de acordo com todas as normas de segurança. Os elevadores de acessibilidade têm a finalidade de aumentar a acessibilidade em piscinas e facilitar o acesso às piscinas residenciais, de escolas, de clubes, Organizações não Governamentais ou até clinicas de fisioterapia.

Você também pode pensar em manter a piscina mais confortável para os nadadores mais velhos. Por isso, planeje o aquecimento adicional. A temperatura da água mais fria pode ser refrescante para algumas pessoas, mas para outras, pode incomodar. Pensar num SPA anexado, além de ser terapêutico por direito próprio, pode ajudar as pessoas mais velhas a se aquecer depois de nadar.

Finalmente, as pessoas mais velhas podem ter uma variedade de condições médicas que você precisa levar em conta. No projeto da sua piscina, você deve pensar em algum sistema de alerta médico no local para se certificar de que a ajuda pode chegar rapidamente se surgir algum tipo de problema.

Precisando de um Elevador de Piscina? Solicite-nos um orçamento de um elevador de piscina e conheça as principais vantagens! | JE Elevadores

Como pensar na acessibilidade em piscinas para pessoas com deficiência?

Você também deve pensar na acessibilidade em piscinas para pessoas com deficiência. Muitas delas estão familiarizadas com os benefícios da terapia aquática. Entretanto, você pode desfrutar destes mesmos benefícios em sua casa. Quer saber como? Instale um SPA de natação ou algum outro tipo de piscina terapêutica.

As piscinas tradicionais oferecem algo que as piscinas especiais não podem. Uma chance de socializar com os outros. Muitas pessoas com mobilidade reduzida querem competir, brincar e se divertir na água como as outras pessoas. E com o elevador de piscinas você promove a acessibilidade.

Este elevador também é recomendado para cadeirantes e pessoas com alguma deficiência motora. O equipamento pode ter funcionamento hidráulico ou rosca sem fim (fuso), e com assento giratório. Ele é confortável e propicia mais independência ao cadeirante ou portador de necessidades especiais. A instalação é fácil e totalmente segura.

Além disso, com esse equipamento, você cria um diferencial para sua casa ou negócio. No entanto, enquanto estiver planejando o projeto de acessibilidade da sua piscina, não se esqueça da área ao redor do espaço, que pode precisar de customizações como corrimãos, decking antiderrapante e acessibilidade para cadeirantes.

Por que o elevador de piscinas agrega valor ao seu negócio?

Se o elevador de piscinas está lá no seu clube ou na sua casa de shows, a piscina se torna mais universal. E isso é importante, pois quem tem mobilidade reduzida se sentirá mais independente, já que o elevador pode ser operado por um passageiro.

Sem contar que o elevador de piscinas  também pode ser usado por gestantes ou qualquer pessoa que tenha mobilidade reduzida.

Viu porque você deve considerar a acessibilidade em piscinas? Ofereça segurança e conforto para quem curte o seu clube, a sua casa ou até mesmo a sua academia ou centro de fisioterapia. Promova a acessibilidade e ajude às pessoas a se sentirem mais independentes!

Quer conhecer um pouco mais sobre o elevador de piscinas para acessibilidade? Acesse agora mesmo o nosso infográfico e fique por dentro do assunto!

Acessibilidade em piscinas para fisioterapia: saiba as vantagens

Acessibilidade em piscinas para fisioterapia: saiba as vantagens

Na fisioterapia, a acessibilidade em piscinas é de fundamental importância. Seu primeiro pensamento, provavelmente, é o ponto de vista do usuário, não é? Sim, quem vai participar da sessão de fisioterapia realmente precisa de acessibilidade, mas o elevador apresenta outras oportunidades relacionadas ao próprio negócio.

Acessibilidade em qualquer lugar é de extrema importância. No passo em que caminhamos, com cada vez mais discussões sobre espaços acessíveis e o desenho universal, veremos transformações drásticas em vários ambientes do nosso cotidiano. A piscina é um dos que já está passando da hora de se transformar em acessível.

Neste artigo, vamos tratar um pouco mais sobre a acessibilidade em piscinas olhando pelo lado da fisioterapia. Esse trabalho tão importante se torna mais inclusivo e respeitoso com um elevador. Vamos saber mais?

A fisioterapia em piscinas

A hidroterapia ou fisioterapia aquática, como é conhecida a fisioterapia feita em piscinas, possui grandes vantagens para o corpo. Por não apresentar carga, a lesão é estimulada apenas por exercícios pontuais, e não é estimulada a um ponto que cause dor.

A própria pressão hidrostática da água – que luta com a gravidade e eleva o corpo – promove melhor circulação e alívio de dores na região da lesão ou, da área a ser estimulada. Mesmo com limitações óbvias, como o tempo maior até resultados aparecerem, a hidroterapia é amplamente utilizada para casos onde a cirurgia pode não ser a melhor opção.

Acessibilidade em piscinas

A questão é que a hidroterapia é utilizada por vários tipos de lesões. Justamente por algumas delas causarem limitações de mobilidade, a acessibilidade em piscinas deve ser estimulada.

Acessibilidade em piscinas e a hidroterapia

A acessibilidade em piscinas é muito necessária para casos onde a pessoa que a realiza apresenta algum nível de dificuldade em se locomover. Nesse caso, o ideal é contar com apoio em duas frentes: com nadadores auxiliando a pessoa a entrar na piscina e, é claro, estruturas ou sistemas que permitam a transferência.

Esses sistemas podem apresentar variações e inovações dependendo da estrutura, mas os mais comuns são de longe os elevadores de piscina com assento, as plataformas de descida e as rampas de concreto armado.

Vamos falar um pouco das rampas. Ainda que degraus submersos com uma largura maior sejam funcionais em alguns casos, eles limitam cadeirantes a entrar na água. A rampa de acessibilidade em piscinas com piso antiderrapante já consegue ser mais inclusiva, mas em alguns pontos nem tanto. Se ela for muito extensa, o trabalho de atravessá-la pode ser difícil para pessoas com graus médios de dificuldade de locomoção.

Então qual é a melhor alternativa?

Elevadores de acessibilidade em piscinas

Os elevadores de acessibilidade em piscinas permitem um uso mais democrático, pois contemplam qualquer situação. O único requerimento para seu uso é que a pessoa possa ficar sentada.

Precisando de um Elevador de Piscina? Solicite-nos um orçamento de um elevador de piscina e conheça as principais vantagens! | JE Elevadores

Isso elimina absolutamente riscos à integridade física da pessoa, algo que pode inclusive ser uma condição frequente, ou seja, toda vez que a pessoa usar uma rampa ou degraus na piscina ela pode se machucar.

Com os elevadores de acessibilidade para piscinas, tudo se torna mais fácil e seguro. A transferência para a água deve ser supervisionada sempre, sendo que o elevador baixa a uma posição segura para promover o auxílio de supervisor dentro da piscina.

E justamente por ser tão inclusivo, há ainda a questão que extrapola o usuário…

Agregando valor ao negócio

Os elevadores de piscina promovem a valorização do seu negócio de um jeito muito simples. Se eles estão lá e em outros locais não, sua piscina se torna instantaneamente universal, sem limitações.

Isso é extremamente valoroso em um cenário de fisioterapia aquática. A segurança e o fim do embaraço de ser levado por uma rampa ou degraus falam alto na hora de fechar o negócio. Isso sem contar na independência, já que o elevador de piscina pode ser operado pelo próprio passageiro.

Pessoas idosas, cadeirantes, gestantes e com mobilidade reduzida em diferentes graus possuem no elevador um aliado discreto e elegante para entrar na água. Isso não se encontra em qualquer lugar, e justamente por isso torna o estabelecimento que emprega os elevadores os “reis” da acessibilidade em piscinas.

Mas não adianta nada falar dos elevadores de acessibilidade em piscinas sem falar do preço, não é? Então, que tal saber qual é o investimento necessário para a instalação? Venha fazer um orçamento rápido!

Modelos e aplicações da plataforma e elevador de acessibilidade, baixe grátis! JE Elevadores